Avançar para o conteúdo principal

O que é o Ethereum?

A fundação para o nosso futuro digital

Guia completo para iniciantes sobre como funciona o Ethereum, quais são os benefícios que traz e como é utilizado por milhões de pessoas em todo o mundo.

Ilustração de uma pessoa a espreitar para um mercado, pretendendo representar a Ethereum

Resumo

A Ethereum é uma rede de computadores em todo o mundo que seguem um conjunto de regras designado por protocolo Ethereum. A rede Ethereum funciona como a base para comunidades, aplicações, organizações e ativos digitais que qualquer pessoa pode construir e utilizar.

Pode criar uma conta Ethereum em qualquer lugar, a qualquer momento, e explorar um mundo de aplicações ou desenvolver as suas próprias. A principal inovação é o facto de poder fazer tudo isso sem confiar numa autoridade central que poderia mudar as regras ou restringir o seu acesso.

Para saber mais, continue a ler…



O que pode fazer a Ethereum?

Banca para todos

Nem toda a gente tem acesso a serviços financeiros. Mas tudo o que precisa para aceder ao Ethereum e aos produtos de empréstimo, contração de empréstimos e poupança nele baseados é de uma ligação à Internet.

Uma internet aberta

Qualquer um pode interagir com a rede Ethereum ou construir aplicações sobre ela. Isto permite-lhe controlar os seus próprios ativos e identidade, em vez de serem controlados por algumas mega-corporações.

Uma rede peer-to-peer

A Ethereum permite-lhe coordenar, fazer acordos ou transferir activos digitais diretamente com outras pessoas. Não precisa de recorrer a intermediários.

Resistente à censura

Nenhum governo ou empresa tem controlo sobre a Ethereum. A descentralização torna quase impossível que alguém impeça a receção de pagamentos ou a utilização de serviços na Ethereum.

Garantias comerciais

Os clientes transacionam com a garantia integrada e segura de que os fundos só mudarão de mãos quando se fornece o acordado. Da mesma forma, os programadores trabalham com a certeza de que as regras não serão alteradas ao longo do processo.

Produtos compostos

Todas as aplicações são construídas na mesma cadeia de blocos com um estado global partilhado, o que significa que podem ser construídas umas a partir das outras (como peças de Lego). Isto permite melhores produtos e experiências e garante que ninguém pode remover as ferramentas em que as aplicações se baseiam.

Por que razão utilizaria a Ethereum?

Se está interessado em formas mais resilientes, abertas e fiáveis de coordenar globalmente, criar organizações, construir aplicações e partilhar valor, a Ethereum destina-se a si. A Ethereum é uma história que é escrita por todos nós; venha daí e descubra que mundos incríveis podemos construir juntos.

A Ethereum também tem sido inestimável para as pessoas que tiveram de lidar com a incerteza quanto à segurança, solidez ou mobilidade dos seus ativos devido a forças externas fora do seu controlo.

Pagamentos transfronteiriços mais baratos e mais rápidos

As stablecoins são um novo tipo de criptomoeda que assenta num ativo mais estável como base para o seu valor. A maioria está ligada ao dólar dos Estados Unidos e, por conseguinte, mantém o valor dessa moeda. Permitem um sistema de pagamento global muito barato e estável. Muitas moedas estáveis atuais são construídas na rede Ethereum.

A Ethereum e as stablecoins simplificam o processo de envio de dinheiro no estrangeiro. Muitas vezes só demora alguns minutos a transferir fundos para todo o mundo, em oposição aos vários dias úteis ou até mesmo semanas que um banco médio pode demorar por uma fração do preço. Além disso, não há taxa extra para fazer uma transação de alto valor, e não há quaisquer restrições sobre onde ou por que está enviando o seu dinheiro.

A ajuda mais rápida em tempos de crise

Se tiver a sorte de ter várias opções bancárias por meio de instituições fiáveis no seu local de residência, pode dar como garantida a liberdade financeira, segurança e estabilidade que oferecem. Mas para muitas pessoas em todo o mundo que enfrentam repressão política ou dificuldades económicas, as instituições financeiras podem não oferecer a proteção ou os serviços de que precisam.

Quando a guerra, as catástrofes económicas ou os ataques às liberdades civis atingiram os residentes da Venezuela(opens in a new tab),, Cuba(opens in a new tab), Afeganistão(opens in a new tab), Nigéria(opens in a new tab), Bielorrússia(opens in a new tab) e Ucrânia(opens in a new tab), as criptomoedas constituíam a mais rápida e frequentemente a única opção de manter a agência financeira.1(opens in a new tab) Como visto nesses exemplos, as criptomoedas como a Ethereum podem fornecer acesso sem restrições à economia global quando as pessoas estão separadas do mundo exterior. Além disso, as stablecoins oferecem um depósito de valor quando as moedas locais se desmoronam devido à superinflação.

Capacitamos os criadores

Só em 2021, artistas, músicos, escritores e outros criadores utilizaram a Ethereum para ganhar cerca de 3,5 mil milhões de dólares coletivamente. Isso torna a Ethereum uma das maiores plataformas globais para criadores, juntamente com o Spotify, o YouTube e o Etsy. Saiba mais(opens in a new tab).

Capacitamos os jogadores

Os jogos para ganhar (onde os jogadores realmente são recompensados por jogar os jogos) surgiram recentemente e estão a transformar a indústria de jogos. Tradicionalmente, é muitas vezes proibido negociar ou transferir bens dentro do jogo para outros jogadores por dinheiro real. Isso obriga os jogadores a usar sites de mercado negro que são frequentemente um risco de segurança. O jogo em blockchain abraça a economia do jogo e incentiva esse comportamento de maneira fiável.

Além disso, os jogadores são incentivados por conseguirem trocar tokens no jogo por dinheiro real e assim serem verdadeiramente recompensados pelo seu tempo de jogo.

2010
Investidores
2014
Investidores
Programadores
Empresas
Agora
Investidores
Programadores
Empresas
Artistas
Músicos
Escritores
Jogadores
Refugiados

Ethereum em números

4k+
Projects built on Ethereum
96M+
Accounts (wallets) with an ETH balance
53.3M+
Smart contracts on Ethereum
$410B
Value secured on Ethereum
$3.5B
Creator earnings on Ethereum in 2021
1,322 mi
Number of transactions today

Quem executa a Ethereum?

A Ethereum não é controlada por uma entidade específica. Existe onde quer que existam computadores interligados a executar o software seguindo o protocolo Ethereum e adicionando blocos à blockchain Ethereum. Cada um destes computadores é conhecido como um nó. Os nós podem ser geridos por qualquer pessoa, embora para participar na segurança da rede seja necessário apostar ETH (o token nativo da Ethereum). Qualquer pessoa com 32 ETH pode participar sem precisar de autorização.

Mesmo o código fonte da Ethereum não é elaborado por uma única entidade. Qualquer pessoa pode sugerir alterações ao protocolo e discutir melhorias. Existem várias implementações do protocolo Ethereum que são produzidas por organizações independentes em várias linguagens de programação e são, normalmente, desenvolvidas de forma aberta e incentivam as contribuições da comunidade.

O que são contratos inteligentes?

Os contratos inteligentes são programas de computador que residem na cadeia de blocos Ethereum. São executados quando desencadeados por uma transação de um utilizador. Tornam a Ethereum muito flexível no que pode realizar. Esses programas atuam como blocos de construção para aplicações e organizações descentralizados.

Já usou um produto que mudou os seus termos de serviço? Ou removeu uma funcionalidade que considerava útil? Assim que um contrato inteligente é publicado na Ethereum, ficará online e operacional enquanto a Ethereum existir. Nem mesmo o autor pode removê-lo. Como os contratos inteligentes são automatizados, não discriminam nenhum utilizador e sempre estão prontos a utilizar.

Exemplos populares de contratos inteligentes são aplicações de empréstimo, bolsas descentralizadas, seguros, financiamento proporcional, redes sociais, NFT - basicamente qualquer coisa que se possa imaginar.

Mais sobre contratos inteligentesExplorar dapps

Conheça o ether, a criptomoeda da Ethereum

Muitas ações na rede Ethereum requerem algum trabalho a ser feito no processador incorporado na Ethereum (conhecido como a Máquina Virtual Ethereum). Esta computação não é gratuita; é paga utilizando a criptomoeda nativa da Ethereum chamada ether (ETH). Isto significa que é necessária pelo menos uma pequena quantidade de ether para utilizar a rede.

O ether é puramente digital e pode ser enviado instantaneamente para qualquer pessoa em qualquer parte do mundo. O fornecimento de ether não é controlado por qualquer governo ou empresa - é descentralizado e completamente transparente. O ether é emitido de forma precisa, de acordo com o protocolo, apenas para os stakers que protegem a rede.

E quanto ao consumo de energia da Ethereum?

Em 15 de setembro de 2022, a Ethereum passou pela atualização Fusão, que transitou a Ethereum de proof-of-work para proof-of-stake.

A Fusão foi a maior atualização da Ethereum e reduziu o consumo de energia necessário para garantir a Ethereum em 99,95%, criando uma rede mais segura com um custo de carbono muito menor. A Ethereum agora é uma blockchain de baixo carbono ao mesmo tempo em que melhora a sua segurança e escalabilidade.

Ouvi dizer que as criptomoedas estão a ser utilizadas como uma ferramenta para atividades criminosas. É verdade?

Como qualquer tecnologia, por vezes é objeto de utilização abusiva. No entanto, uma vez que todas as transacções Ethereum ocorrem numa blockchain aberta, é geralmente mais fácil para as autoridades localizarem atividade ilícita do que seria no sistema financeiro tradicional, tornando o Ethereum uma escolha menos apelativa para aqueles que preferem passar despercebidos.

A criptomoeda é utilizada muito menos do que as moedas fiduciárias para fins criminosos, conforme as principais descobertas de um recente relatório da Europol, a Agência da União Europeia para a Cooperação na Aplicação da Legislação:

"A utilização de criptomoedas para atividades ilícitas parece conter apenas uma pequena parte da economia geral da criptomoeda, e parece ser relativamente menor do que o montante de fundos ilícitos envolvidos no financiamento tradicional."

Qual é a diferença entre a Ethereum e a Bitcoin?

Lançada em 2015, a Ethereum baseia-se na inovação da Bitcoin, com algumas grandes diferenças.

Ambas permitem utilizar o dinheiro digital sem fornecedores de serviços de pagamento ou bancos. Mas a Ethereum é programável, então, também poderá criar e implementar aplicações descentralizadas na sua rede.

A Bitcoin permite-nos enviar mensagens básicas uns aos outros sobre o que achamos que é valioso. Estabelecer valor sem autoridade já é poderoso. A Ethereum alarga esta possibilidade: em vez de apenas mensagens, é possível escrever qualquer programa geral, ou contrato. Não há limites para o tipo de contratos que podem ser criados e acordados, daí a grande inovação que acontece na rede Ethereum.

Enquanto a Bitcoin é apenas uma rede de pagamentos, a Ethereum é mais um mercado de serviços financeiros, jogos, redes sociais e outras aplicações.

Leitura adicional

Semana em Notícias da Ethereum(opens in a new tab) - Uma newsletter semanal que cobre principais desenvolvimentos em todo o ecossistema.

Átomos, Instituições, Blockchains(opens in a new tab) - Por que a blockchains importa?

Kernel(opens in a new tab) O sonho da Ethereum

Explorar a Ethereum

Test your Ethereum knowledge

Loading...

Esta página foi útil?