Pular para o conteúdo principal

A Fusão

  • A Rede principal do Ethereum usa prova de participação, mas nem sempre foi esse o caso.
  • A melhoria do mecanismo original de prova de trabalho para prova de participação foi chamada de The Merge, ou seja, A Fusão.
  • A Fusão se refere à fusão original da Rede Principal do Ethereum, com uma cadeia de blocos de prova de participação separada chamada Beacon Chain, agora existente como uma cadeia.
  • A Fusão reduziu o consumo de energia do Ethereum em ~99,95%.

Última atualização da página: 13 de junho de 2024

O que foi A Fusão?

A Fusão foi a junção da camada de execução original do Ethereum (a Rede principal que existe desde a origem) com a sua nova camada de consenso de prova de participação, a Beacon Chain. Ele eliminou a necessidade de mineração que faz uso intensivo de energia e, em vez disso, permitiu que a rede fosse protegida usando participação de ETH. Foi uma etapa realmente emocionante para a realização da visão do Ethereum — mais escalabilidade, segurança e sustentabilidade.

Inicialmente, a Beacon Chain foi enviada separadamente da . A rede principal da Ethereum - com todas as suas contas, saldos, contratos inteligentes e estado da cadeia de blocos - continuou a ser protegida pela prova de trabalho, mesmo enquanto a Beacon Chain funcionava em paralelo usando a prova de participação. A Fusão foi quando esses dois sistemas finalmente se uniram, e a prova de trabalho foi permanentemente substituída pela prova de participação.

Imagine que o Ethereum é uma espaçonave que foi lançada antes que estivesse pronta para uma viagem interestelar. Com a Beacon Chain, a comunidade construiu um novo motor e um casco reforçado. Após muitos testes, chegou a hora de trocar o novo motor a quente pelo antigo em pleno voo. Isso integrou o novo e mais eficiente motor à nave existente, o que lhe permitiu cruzar anos-luz e conquistar o universo.

Fusão com a Rede principal

A prova de trabalho protegeu a rede principal do Ethereum desde sua origem até A Fusão. Isso permitiu que a cadeia de blocos do Ethereum com a qual todos estamos acostumados surgisse em julho de 2015 com todos os seus recursos familiares — transações, contratos inteligentes, contas, etc.

Ao longo da história do Ethereum, os desenvolvedores se prepararam para uma eventual transição da prova de trabalho para a prova de participação. Em 1 de dezembro de 2020, a Beacon Chain foi criada como uma cadeia de blocos separada da Rede principal, rodando em paralelo.

A Beacon Chain não estava processando originalmente as transações da Rede principal. Em vez disso, ela estava chegando ao consenso sobre seu próprio estado ao concordar com validadores ativos e seus saldos de conta. Após extensos testes, chegou a hora da Beacon Chain chegar a um consenso sobre os dados do mundo real. Após A Fusão, a Beacon Chain tornou-se o mecanismo de consenso para todos os dados da rede, incluindo transações da camada de execução e saldos de contas.

A integração representou a mudança oficial para o uso da Beacon Chain como o motor de produção de blocos. A mineração não é mais o meio de produzir blocos válidos. Em vez disso, os validadores da prova de participação adotaram esse papel e agora são responsáveis por processar a validade de todas as transações e propor blocos.

Nenhuma história foi perdida na Fusão. À medida que a Rede principal se uniu com a Beacon Chain, ela também integrou todo o histórico transacional do Ethereum.

Essa transição para a prova de participação mudou o modo como o ether é emitido. Saiba mais sobre Emissão de ether antes de depois do The Merge.

Usuários e titulares

A Fusão não mudou nada para titulares/usuários.

Vale a pena repetir: como usuário ou titular de ETH, ou qualquer outro ativo digital no Ethereum, bem como participantes não operantes dos nós, você não precisa fazer nada com seus fundos ou carteira para dar conta da Fusão. ETH é apenas ETH. Não existe algo como "ETH antigo"/"ETH novo" ou "ETH1"/"ETH2" e as carteiras funcionam exatamente da mesma forma após A Fusão como antes — pessoas dizendo a você o contrário provavelmente são golpistas.

Apesar de trocar a prova de trabalho, toda a história do Ethereum desde a origem permaneceu intacta e inalterada com a transição para a prova de participação. Quaisquer fundos mantidos em sua carteira antes da Fusão ainda estarão acessíveis após A Fusão. Nenhuma ação é necessária da sua parte para fazer parte dessa atualização revolucionária.

Mais sobre segurança no Ethereum

Operadores de nós e desenvolvedores de dapps

A Fusão e o consumo de energia

A Fusão marcou o fim da prova de trabalho para o Ethereum e iniciou a era do Ethereum mais sustentável e ecológico. O consumo de energia do Ethereum reduziu cerca de 99,95%, tornando o Ethereum uma blockchain verde. Descubra mais sobre Consumo de energia na rede Ethereum.

A Fusão e a escalabilidade

The Merge também preparou o terreno para futuras atualizações de escalabilidade que não eram possíveis na prova de trabalho, deixando o Ethereum mais próximo de alcançar a escalabilidade, segurança e sustentabilidade descritas na Visão do Ethereum.

Concepções erradas sobre A Fusão

O que aconteceu com o "Eth2"?

O termo "Eth2" foi descontinuado. Após unir "Eth1" e "Eth2" em uma única cadeia, não há mais necessidade de distinguir entre duas redes Ethereum; agora existe apenas o Ethereum.

Para diminuir a confusão, a comunidade atualizou estes termos:

  • O "Eth1" agora é a "camada de execução", que lida com transações e execução.
  • O "Eth2" é agora a "camada de consenso", que lida com o consenso da prova de participação.

Estas atualizações de terminologia apenas alteram as convenções de nomenclatura; isso não altera os objetivos ou o roteiro do Ethereum.

Saiba mais sobre a renomeação "Eth2"(opens in a new tab)

Relação entre as melhorias

Todas as melhorias do Ethereum estão, de alguma forma, interrelacionadas. Vamos então recapitular como a fusão se relaciona com as outras melhorias.

A Fusão e a Beacon Chain

A Fusão representa a adoção formal do Beacon Chain como a nova camada de consenso para a camada de execução da Rede principal original. Desde A Fusão, os validadores são designados a proteger a Rede principal do Ethereum, e a mineração na prova de trabalho não é mais um meio válido de produção em bloco.

Em vez disso, os blocos são propostos validando nós que colocaram o ETH em troca do direito de participar do consenso. Essas atualizações preparam o cenário para futuras atualizações de escalabilidade, incluindo fragmentação.

A Beacon Chain

A Fusão e a atualização do Shanghai

Para simplificar e maximizar o foco em uma transição bem-sucedida para a prova de participação, a atualização da Fusão não incluiu certos recursos previstos, como a possibilidade de retirar o ETH colocado. Essa funcionalidade foi habilitada separadamente com a melhoria Shanghai/Capella.

Se tiver curiosidade, assista ao vídeo What Happens After The Merge(opens in a new tab) (O que ocorre após a Fusão), apresentado por Vitalik no evento ETHGlobal de abril de 2021.

A Fusão e a fragmentação

Originalmente, o plano era trabalhar na fragmentação antes da Fusão para atender a escalabilidade. No entanto, com a expansão das soluções de escalabilidade da camada 2, a prioridade passou a ser a troca da prova de trabalho pela prova de participação.

Os planos para fragmentação estão evoluindo rapidamente, mas dado o surgimento e o sucesso das tecnologias de camada 2 para escalar a execução de transação, os planos de fragmentação mudaram para encontrar a maneira mais otimizada de distribuir a carga de armazenamento dos dados de chamadas compactadas em contratos rollup, permitindo um crescimento exponencial da capacidade da rede. Isso não seria possível sem uma primeira transição para a prova de participação.

Fragmentação

Leitura adicional

Teste o seu conhecimento sobre Ethereum

Loading...

Esta página foi útil?

Última atualização do site: 10 de julho de 2024

Aprenda

  • Centro de aprendizagem
  • O que é Ethereum?
  • O que é ether (ETH)?
  • Carteiras Ethereum
  • O que é Web3?
  • Contratos inteligentes
  • Gas fees
  • Executar um nó
  • Segurança e prevenção de fraude da Ethereum
  • Centro de questionários
  • Glossário de Ethereum
(opens in a new tab)(opens in a new tab)(opens in a new tab)
  • Quem somos
  • Ativos da marca Ethereum
  • Código de Conduta
  • Empregos
  • Política de privacidade
  • Termos de uso
  • Política de cookies
  • Contato de Imprensa(opens in a new tab)